Este artigo serve como guia completo, para qualquer utilizador novato ou experiente, para ter o Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot compatível com, praticamente, todos os formatos multimédia existentes: desde ficheiros de música mp3 e wma até ficheiros de vídeo DivX e DVDs encriptados. Para além disso, depois de seguir este artigo, o seu Ubuntu ainda terá instalado o Flash (para ver vídeos do Youtube), Java e ainda descompactadores de ficheiros dos mais variados formatos. Nada lhe faltará em termos de multimédia!

Este artigo é já bastante conhecido pela comunidade, pois sempre que é publicada uma nova versão do Ubuntu, a equipa do Ubuntued faz este artigo para ajudar a comunidade a ter o seu Ubuntu o mais completo possível ao nível de formatos multimédia. A cada nova versão deste artigo, tentamos melhorar ainda mais em relação ao anterior. Como poderá constatar, neste artigo são apresentadas várias soluções mediante os seus gostos! Assim tentamos com este artigo agradar “Gregos e Troianos“, ou seja, tentamos agradar toda a gente conforme os seus gostos pessoais.

Apesar de este artigo ser um artigo bastante comum, pois é criado sempre um a cada nova versão do Ubuntu, não pense que este artigo podia ser substituído por um outro mais antigo! A verdade é que os programadores do Ubuntu estão sempre a inovar e apresentar novas soluções, novos pacotes e até novos procedimentos de instalação destes pacotes.

Prova disso é o atual pacote minimalista (se não sabe do que falo, verá mais à frente pormenores sobre ele) que já traz praticamente tudo o que um utilizador normal precisa, desde codecs para leitura de ficheiros mp3 até ao Flash e Java! Assim, convido-o a ler este artigo e se o achar pertinente, convido-o a partilhar com os seus conhecidos de forma a que toda a gente que utiliza o Ubuntu possa tê-lo à sua medida em termos de leitura de formatos multimédia!

Tal como referido acima, este artigo é composto por várias secções que representam soluções independentes e à medida das necessidades de cada utilizador. Por cada solução é descrito o resultado que aquela instalação proporcionará. Desde já, refere-se que a solução que a equipa do Ubuntued recomenda, é a solução número 3, por proporcionar pacotes suficientes para nunca mais se preocupar com ficheiros desconhecidos.

No entanto, tal como é referido, na versão anterior deste artigo, desde o Ubuntu 10.10 Maverick Meerkat que o Ubuntu proporciona uma instalação consideravelmente boa (solução 1 deste artigo), que permite instalar alguns pacotes logo durante a instalação do Ubuntu. Essa solução pode ser boa para aqueles utilizadores (provavelmente a maioria!) que não querem instalar demasiados pacotes para ler ficheiros desconhecidos mas, ao mesmo tempo, querem o Ubuntu compatível com os formatos mais conhecidos, nomeadamente, Flash, Mp3, Java e ficheiros compactados.

 

Organização do artigo

Por haver várias soluções que têm o mesmo objetivo, diferenciando-se apenas ao nível da complementaridade, este artigo tem uma organização bastante objetiva e prática. A organização das secções é bastante simples, a primeira é a menos completa e as últimas são as mais completas, ou seja, têm pacotes que permitem ler praticamente todos os formatos existentes.

Por esse motivo, de seguida apresenta-se cada um dos objetivos de cada solução. De salientar apenas que, se não escolher a solução mais completa, caso queira, pode sempre completá-la instalando uma solução mais completa. Ou seja, por exemplo, se escolheu a solução 1, pode a qualquer momento completá-la instalando, por cima dela, a solução número 3 (ou até apenas a 2), bastando para isso executar o comando apresentado nessa solução!

  1. A primeira instalação, é a mais minimalista e já referida acima. Esta primeira instalação é a mais básica e contém apenas pacotes para os formatos mais comuns, não contendo pacotes para leitura de ficheiros .rar e .7z. Através desta solução, você terá um Ubuntu apto para ler conteúdos Java, Flash (para o youtube por exemplo), mp3, zip, entre alguns outros formatos multimédia;
  2. De certa forma complementar à instalação anterior, esta segunda instalação multimédia contém pacotes para visualização de DVD’s encriptados e alguns pacotes a mais, nomeadamente para leitura de ficheiros compactados .rar, fontes da Microsoft e alguns pacotes extra de multimédia;
  3. A instalação mais completa delas todas! Esta instalação resume-se a um único comando que irá instalar pacotes para quase tudo o que lhe aparecer à frente em termos de multimédia. O seu Ubuntu ficará capaz de ler quase todos os tipos de ficheiros de música e vídeo, terá o Flash da Adobe instalado, o Java e ainda descompactadores para quase qualquer formato de compactação.
  4. Esta instalação é um pouco redundante relativamente à anterior, a 3, pois é a mesma instalação mas fracionada nos dois temas/áreas em que os pacotes de enquadram. Basicamente esta instalação é igual anterior, no entanto, está dividida em: “áudio e vídeo” e “compactadores e descompactadores”! Esta instalação é particularmente importante para os utilizadores que escolheram ou método 1 ou o método 2, pois permite complementar as compatibilidades do seu Ubuntu em apenas áreas de interesse, por exemplo, nos compactadores e descompactadores!

 

Pré-requisitos

Antes de proceder à instalação dos pacotes é necessário ter instalado no seu Ubuntu o repositório Medibuntu (isto aplica-se a todas as soluções exceto, obviamente, a primeira solução). Este repositório disponibiliza pacotes importantes que, por serem licenciados, não podem vir por padrão no Ubuntu. Para saber mais informações sobre este repositório, recomenda-se que leia este artigo:

Instale o repositório de software proprietário Medibuntu!

De uma forma bastante rápida e prática, para adicionar o repositório Medibuntu sem ter de ir a esse link, abra o terminal e copie o comando seguinte:

sudo wget --output-document=/etc/apt/sources.list.d/medibuntu.list http://www.medibuntu.org/sources.list.d/$(lsb_release -cs).list && sudo apt-get --quiet update && sudo apt-get --yes --quiet --allow-unauthenticated install medibuntu-keyring && sudo apt-get --quiet update

 

Solução 1: Instalação Minimalista

A primeira solução é a mais simples delas todas e proporciona um pequeno conjunto de pacotes que lhe possibilitará ler os formatos multimédia mais conhecidos, nomeadamente mp3, divX e Flash. No entanto, esta instalação não contém outros pacotes que pode precisar, tal como foi referido na secção “Organização do Artigo”: pacotes importantes por exemplo para descompactação de ficheiros RAR e 7Z, bem como fontes Microsoft.

Solução 1

Esta solução, é muito simples de se instalar pois não é mais que uma opção (um visto) que aparece durante a instalação do Ubuntu. Assim, se quer instalar um conjunto de pacotes mínimo, mas na generalidade dos casos suficiente, adicione um visto à opção “Instalar este software de terceiros“.

 

Solução 2: Instalação para formatos mais conhecidos

Esta instalação pode ser utilizada para complementar a anterior, por isso, se escolheu a instalação anterior, poderá complementá-la com esta.

Em relação à instalação anterior, esta instalação de pacotes multimédia torna o seu Ubuntu apto para ler os ficheiros mais conhecidos de multimédia, nomeadamente DVDs encriptados, fontes Microsoft, ficheiros compactados RAR, entre outros. Para ter todas estas funcionalidades, simplesmente abra o terminal e escreva o seguinte:

sudo apt-get install non-free-codecs libdvdcss2

 

Solução 3: Instalação de pacotes multimédia mais completa

Uma grande parte dos utilizadores que procura por este artigo na Internet, procura por este método de instalação pois torna o Ubuntu compatível com praticamente qualquer formato multimédia, incluindo todos aqueles formatos mais desconhecidos de áudio e vídeo. Para além disso, este método instala também os compactadores e descompactadores para ficheiros RAR e 7Z, como Flash e todos os outros aspetos referidos nas soluções anteriores.

sudo apt-get install faac faad ffmpeg ffmpeg2theora flac icedax id3v2 lame libflac++6 libjpeg-progs libmpeg3-1 mencoder mjpegtools mp3gain mpeg2dec mpeg3-utils mpegdemux mpg123 mpg321 regionset sox uudeview vorbis-tools x264 arj lha p7zip p7zip-full p7zip-rar rar unace-nonfree

 

Solução 4: Instalação dos pacotes por área

Tal como referido, esta instalação é igual à referida na anterior. Apenas tem como diferença a sua organização: enquanto que a anterior é rápida, prática e eficaz, esta é dividida em áreas para os utilizadores que apenas querem uma parte dos pacotes. Ou seja, por codecs de áudio e de vídeo com Flash e Java e por compactadores e descompactadores. Sendo assim, de seguida apresenta-se uma subsecção para cada uma das temáticas.

Pacotes de codecs de áudio e vídeo

Os pacotes referidos nesta subsecção contém codecs para visualizar praticamente qualquer formato de áudio e de vídeo. Para além disso, por causa das dependências, este método ainda instala alguns descompactadores e o Flash:

sudo apt-get install non-free-codecs libdvdcss2 faac faad ffmpeg ffmpeg2theora flac icedax id3v2 lame libflac++6 libjpeg-progs libmpeg3-1 mencoder mjpegtools mp3gain mpeg2dec mpeg3-utils mpegdemux mpg123 mpg321 regionset sox uudeview vorbis-tools x264

Pacotes de compactadores de ficheiros

Esta secção apresenta o comando que permite ter o seu Ubuntu compatível com praticamente qualquer formato de compactação de ficheiros. O seu Ubuntu, depois de executar este comando, fica com compatibilidades para ficheiros com a extensão .rar, 7z, ace, entre outros. Para ter estas capacidades no Ubuntu escreva, então, o seguinte no terminal:

sudo apt-get install arj lha p7zip p7zip-full p7zip-rar rar unrar unace-nonfree

 

Dica Extra:

Por fim, recomendamos que instale o excelente reprodutor de vídeos VLC! Este é sem dúvida um dos melhores reprodutores de multimédia que pode encontrar para Ubuntu (e até para windows!). A instalação é extremamente simples e passa por clicar no botão seguinte ou escrever o comando seguinte no terminal:

sudo apt-get install vlc

 

E o java da Sun/Oracle?

Se você está habituado a ver este artigo no Ubuntued, então deve estar a perguntar-se: onde estão os pacotes para instalar o Java da Sun? Primeiramente, agora o Java chama-se Oracle Java, visto que a Oracle comprou a Sun. E sobre esse pacote, atualmente não é possível tê-lo de forma automática pois a Oracle decidiu restringir a partilha do Java, através de uma licença que proíbe a distribuição do Java através de repositórios.

Sendo assim, atualmente, se você quiser ter o Oracle Java, precisa de ir ao site e instalar manualmente! O que dizem os programadores do Ubuntu? Muito simples: utilizar o OpenJDK, uma solução completamente OpenSource que promete substituir o Java proprietário! Atualmente muitos utilizadores já comprovaram a sua eficiência por isso a recomendação da equipa do Ubuntued é: a não ser que precise de algum programa que por algum motivo seja incompatível com OpenJDK, utilize o OpenJDK!

Como o instalar o OpenJDK? Muito simples, seja qual for o método que utilizar neste artigo terá sempre o OpenJDK instalado! Entretanto, existe um tópico no Forum Ubuntued para partilha de opiniões sobre o OpenJDK. Por isso, convidamos-lhe a partilhar a sua experiência também:

Sun/Oracle Java no Ubuntu 11.10 Oneiric Ocelot acabou! Comente esta decisão!

 

Sugestão da equipa do Ubuntued?

Quer a sugestão da equipa do Ubuntued? Tal como referido no início do artigo, a equipa do Ubuntued considera que a solução número 3 é a mais recomendada pois tornará o seu Ubuntu compatível com praticamente todos os formatos que lhe aparecerem à frente. Nesse sentido, como a equipa do Ubuntued acredita na Teoria de Murphy e mais vale prevenir do que remediar, então considera a solução número 3 a melhor!

No entanto, se acha que vai ser um utilizador que não irá utilizar formatos pouco conhecidos, então, a solução mais plausível será a primeira! Mas lembre-se não terá fontes da microsoft, nem descompactadores de ficheiros RAR e 7Z que são comuns aparecer em downloads da Internet!

 

24 Respostas ate agora.

  1. Nuno Nunes diz:

    Tambem funciona no linux mint 12

  2. Euclides diz:

    Muito obrigado pelas dicas

  3. Anderson diz:

    Vo fazer já já. valeu!

  4. Olá, ao fazer a instalação do mediubuntu e da 3 opção não obtive as letras do win no open office. O que devo fazer para ter arial, times, etc…?

    Abcs e obrigado

  5. Tavares diz:

    Pessoal estou com muitos problemas no ubuntu 11.10 acabei de instalar e não tenho a mínima experiência…peço encarecidamente ajudas ok!? email tavaresbelmont@hotmail.com ja tentei vários comandos sudo apt-get etc…e nada help rs!

  6. Anderson diz:

    Consegui!
    Em sistemas de 64 bits, antes de instalar o non-free-codecs, instale o "adobe-flashplugin":

    # sudo apt-get install adobe-flashplugin

    Depois é só instalar o non-free-codecs.

    Anderson

  7. Anderson diz:

    Claudio, boa tarde!
    Novamente parabéns. Uso seus tutoriais multimédia como guia em todas as instalações que faço.
    Estou com uma duvida:
    No Ubuntu 64, ao mandar instalar o "non-free-codecs" aparece uma lista com 144 pacotes, sendo que 90% tem no final ":i386". É normal? Eu não gosto muito de misturar arquiteturas diferentes. Tem como instalar estes pacotes na arquitetura certa?
    Anderson

  8. Luis diz:

    Muito bom o tutorial, mas na opção mais completa estão faltando o non-free-codecs e o libdvdcss2.

  9. Nilton Teixeira diz:

    Adotei a solução 3 mas só consegui abrir DVD original após instalar "libdvdcss2" pelo Synaptic.

  10. Daniel diz:

    Cláudio,

    Depois da instalação do pacote da solução 3, resolvi um problema na execução de vídeos(fica travando constantemente, e só roda legal se eu estiver mexendo no mouse ou teclando). Mas após a reinicialização do ubuntu o problema voltou a me atormentar. Você poderia me ajudar a resolver isso?
    Segue alguns dados que podem ser úteis:
    SO: Ubuntu 11.10
    Notebook: Positivo Mobile y870 – 3G de RAM – Processador Centrino
    Internet: Banda Larga VELOX

    Se aqui não for lugar para resolver esse tipo de problema, me desculpe. Mas pelo menos gostaria que me orientasse onde buscar uma solução.

    Desde agradeço.

    • Daniel diz:

      Cláudio,

      Na verdade eu percebi que isso não ocorre somente com vídeos e sim com o ubuntu inteiro. No monitor do sistema pude observar que quando o ubuntu trava o percentual de utilização das duas CPU chegam bem próximo ou igual a zero.

  11. Daniel diz:

    Perfeito cara.
    Tava com problema na execução de vídeos por causa do Flash. Tava travando continuamente e só executava legal se eu estivesse mechendo no mouse ou teclando.
    Aí instalei até a solução 3 e ficou tudo resolvido.
    MUITO OBRIGADO!!!!!!!!!

  12. clodoaldops diz:

    Instalar o Ubuntu Restricted Extras pela Central de Programas dá o mesmo resultdao?

  13. Eita parabens Claudio .quando crescer quero ser como voçe.

  14. Ricardo diz:

    Parabéns, esse é meu tutorial predileto

  15. Uma solução que eu tenho com um simples passo , você fica livre de todos os codecs ( menos o silverlight , que tem que instalar o moonlight na mao )

    apt-get install ubuntu-restricted-extras

    pronto, todos os codecs de video, audio, fontes …….

    • bernardo esse pacote não instala os pacotes do medibuntu. No entanto, ao instalar um daqueles pacotes da solução 2 ou 3, esse meta-pacote é sempre chamado! Como ele é chamado, para não assustar os utilizadores com comandos enormes como eu dantes fazia, agora retiro todas as depedências! ;)

  16. sandro diz:

    sempre que tento baixar o repositorio Mediaunbuntu ele demora muito… e eu acabo desistindo.

    Essa demora é normal????

    Fica parado um tempão nisso aqui no terminal:

    –2011-10-22 10:19:38– http://www.medibuntu.org/sources.list.d/oneiric.l
    Resolvendo http://www.medibuntu.org... 42.1.14.11, 2a01:e0b:1:127:ca0a:a9ff:fec8:ec19
    Conectando-se a http://www.medibuntu.org|42.1.14.11|:80... falhou: Tempo esgotado para conexão.
    Conectando-se a http://www.medibuntu.org|2a01:e0b:1:127:ca0a:a9ff:fec8:e…. falhou: A rede está fora de alcance.

  17. Luís C. diz:

    Estava à espera disto :)

    Correcção no passo 3, está:
    sudo apt-get install ac faad ffmpeg ffmpeg2theora flac icedax id3v2 lame libflac++6 libjpeg-progs libmpeg3-1 mencoder mjpegtools mp3gain mpeg2dec mpeg3-utils mpegdemux mpg123 mpg321 regionset sox uudeview vorbis-tools x264 arj lha p7zip p7zip-full p7zip-rar rar unace-nonfree

    mas não deveria estar:
    sudo apt-get install faac faad ffmpeg ffmpeg2theora flac icedax id3v2 lame libflac++6 libjpeg-progs libmpeg3-1 mencoder mjpegtools mp3gain mpeg2dec mpeg3-utils mpegdemux mpg123 mpg321 regionset sox uudeview vorbis-tools x264 arj lha p7zip p7zip-full p7zip-rar rar unace-nonfree

    Pois no 1º está "ac faad", não deveria ser "faac faad"?

    Abraço,
    Luís Cardoso

Deixe um comentario