ElementaryOS Luna

A versão final do elementary foi liberada no dia 10 de agosto de 2013, quando ele estava pronto. O sistema cinza, que destacou-se por um visual único, rapidez e que ouve a voz da comunidade. A nova versão do elementary vem com o ideal de trazer o melhor para a sua comunidade, sem a necessidade de pagamentos. É por isso que este novo sistema ganhou uma repercussão muito grande desde seu lançamento. Vamos conhecer as novidades do elementary OS Luna, a segunda versão do sistema.

O elementary OS

ElememtaryOS após ser instaladoO elementary OS (com o primeiro nome totalmente em minúsculo e OS com maiúsculo, e não de outra forma) trouxe uma nova proposta ao mundo Linux: ser um movimento, uma filosofia, uma forma de arte – além da satisfação do usuário final.

Derivado do Ubuntu, o elementary OS tem o foco totalmente no mercado desktop. O sistema tem velocidade incrível na abertura de aplicativos, interface totalmente repensada para os usuários e a integração única entre os aplicativos próprios. Ao contrário do Unity e do próprio GNOME Shell, que estão com o foco no mercado móvel, fazendo com que a usabilidade do sistema em desktop seja comprometida. Todo o design do sistema foi especialmente pensado para o usuário final: a questão dos aplicativos que, ao fecharem, iniciam automaticamente do ponto em que foi fechado ou da saída do botão de minimizar. Além disso, o elementary OS tem aplicativos próprios, ao contrário do Ubuntu, por exemplo, que utiliza os aplicativos do GNOME como padrão. É por isso que a comunidade do elementary, apesar de não ser tão grande quanto a do Ubuntu ou do Linux Mint, é tão ativa: o sistema tem sim seu valor. A equipe do elementary OS pensa que o computador deve ser divertido, fácil e bem utilizado, fato que é refletido completamente nos aplicativos que já são parte do sistema. E, na verdade, não é isso que nós queremos? :)

 

As novidades da versão final

As grandes novidades do elementary OS Luna são, na verdade, as correções de bugs. As novidades da nova versão do elementary já haviam aparecido na versão Beta 2, porém vamos relembrá-las.

O suporte a monitores múltiplos foi melhorado e deixado mais inteligente. O Plank (dock do sistema), Pantheon (o próprio shell do desktop) e as configurações do sistema agora respondem melhor quando existe outro monitor conectado. Apesar de não ser padrão para grande parte dos usuários, por conta de sua rapidez e fluidez, o sistema foi escolhido por diversos usuários que precisam de múltiplos monitores em seu trabalho.

Ícones no ElementaryOSNo visual, fator elogiado do elementary OS, algumas mudanças foram percebidas. O pacote de ícones recebeu uma atualizão muito importante: as pastas padrões do sistema (Música, Vídeos, Documentos, etc.) receberam ícones próprios. Além disso, os botões de on/off também receberam um olhar especial: comportam-se de maneira inteligente e não mais escrito On e Off. A dock Plank, estupidamente simples, agora conta com temas. A falta de personalização na dock era algo que a equipe do elementary sempre recebia reclamações, porém, os usuários podem modificar a barra (mas o sistema é tão bonito que você não vai querer alterar nada).

Diversos aplicativos foram atualizados: o navegador Midori, o gerenciador de imagens Shotwell e o Geary. A novidade, entretanto, fica para o player Music (antigo Noise). Além de ter o nome alterado, o player está cada vez mais inteligente e diversos bugs foram corrigidos, inclusive o de capas de álbuns e o de músicas em dispositivos externos.

 

Destaques do elementary

Centro de Software do ElementaryOSTodo o sistema e as modificações realizadas pela equipe do elementary OS são abertas. Na página inicial é informado que o elementary acredita no poder do código aberto e colaboração global: todos podem baixar, utilizar, modificar e contribuir com o sistema.

Na página inicial também é informado que o elementary está pronto para substituir do Windows e o MacOS: vem com tudo o que é essencial além de uma loja de aplicativos e atualizações grátis. Não é demais?

 

 

Download

Você pode fazer o download do elementary OS Luna aqui ou na página do projeto (elementaryos.org). O sistema está disponível gratuitamente e pode fazer qualquer tipo de doação que você quiser.

 

 

Referências

48 Respostas ate agora.

  1. Carlos Jr diz:

    Eu gostei muito do Elementary OS mas eu gostaria de poder mudar o painel superior e mudalo para a parte inferior igual como fazemos no Gnome Fallback.

    Por acaso alguém sabe se existe essa possibilidade?

  2. Gerson diz:

    Está excelente o e-Os! Sentir como se estivesse usando o ubuntu 10.10 novamente…
    Voltei a ter um Linux estável, rápido e bonito!!!

  3. A versão final está mais estável e rápida que as últimas três versões do ubuntu. Estou usando ela há duas semanas e estou adorando.

    Achei bem interessante a ideia de uma distro bonita e limpa, assim eu posso instalar apenas o que eu vou usar.

  4. O elementary está bom demais. Leve, estável e extremamente bonito. Algumas outras boas dicas para instalar no elementary são: o libreoffice, o vlc e o deepin software center que deixa as instalações de programas muito mais fáceis.
    Para o LibreOffice com corretor ortográfico e o VLC (http://www.vivaolinux.com.br/artigo/elementary-OS-Luna-linda-mas-serve-para-sua-mae/?pagina=2):

    sudo apt-get install myspell-pt-br libreoffice libreoffice-gtk libreoffice-l10n-pt-br vlc.

    Para o Deepin Software Center (http://www.noobslab.com/2013/07/deepin-software-center-version-30-and.html):

    sudo add-apt-repository ppa:noobslab/deepin-sc.
    sudo apt-get update.
    sudo apt-get install deepin-software-center.

  5. Renan Rischiotto diz:

    Não gostei muito da distro, não vem com os programas essenciais (Firefox, LibreOffice, VLC, Gimp, Transmission), parece ser mais um Ubuntu com outro ambiente gráfico, além de possuir fontes pequenas do sistema inteiro (janelas e programas). Mas é mais rápido sim, mas na minha opinião não compensa. Também não gosto de dock, gosto de menus estilo Gnome 2, MATE….só a barra lateral do Ubuntu que achei bacana mesmo, porque não chega a ser um dock, é bem mais trabalhado.

  6. Será que posso utilizar este tutorial http://ubuntued.info/multimedia-ubuntu-12-04-prec… para o elementary OS?

  7. Renan Rischiotto diz:

    Onde estão os MD5 das ISOs? =(

  8. Anônimo diz:

    Gostei de muita coisa que o sistema oferece. Alguma ações sugam bateria de 5h para 2h39 por exemplo. O LibreOffice apresenta muitos bugs mesmo sendo o mesmo instalado no Ubuntu.

  9. Rodrigo diz:

    Vou me impressionar quando realmente passarem a oferecer atualizações, correção de bugs, integração entre aplicativos e todo o restante que uma distribuição Linux de verdade precisa fazer.

    No momento, o Elementary OS é apenas uma remasterização do Ubuntu com alguns softwares próprios, e claro: bugs próprios.

    Pensam tanto em oferecer um novo desktop que até esqueceram de um recurso de extrema importância, a pesquisa de arquivos. Nem no ambiente de trabalho e nem no gerenciador de arquivos existe pesquisa de arquivos.

    O navegador padrão é um porre, para ter uma boa experiência de navegação é necessário instalar o Firefox ou Google Chrome.

    Não adianta oferecer um visual bem acabado se não oferecer o básico para os usuários.

    • Marcos diz:

      "Elementary OS é apenas uma remasterização do Ubuntu com alguns softwares próprios, e claro: bugs próprios."

      Nossa!!! Nada a ver , cara. Se uma distro desenvolve seu próprio ambiente de trabalho ela já muito mais que um ramaster.

      E o eOS tem como foco e principais qualidades: ser simples, leve, rápido, fluído e elegante. Coisa que o Ubuntu e seus derivados, perderam muito com o Unity e o Gnome Shell.

      A diferença de desempenho do eOS pro Ubuntu e seus outros derivados e notável.

      • Olá Marcos,

        Desculpe discordar, mas eu também acho que é só uma remaster com vários softwares próprios, nomeadamente um excelente ambiente gráfico. Mas da mesma forma que acho isso, também acho sobre o Ubuntu em relação ao Debian.

        A grande diferença é que do Debian para o Ubuntu, perde-se muitas coisas boas, nomeadamente fluidez, só para ter o ambiente Unity. Já o Elementary dá uma grande vantagem que é a volta dessa fluidez! ;)

    • Allison diz:

      kkkkk… Pior que é verdade Rodrigo, eu já ia comentar a respeito da pesquisa de arquivos, mas vi seu comentário e quis também dizer a respeito. Achei que foi uma mancada gigantesca da equipe do elementary Os esquecer umas das coisas mais importantes de um sistema, que é a pesquisa.
      Eu já até ia instalar pois gostei da rapidez e da beleza do sistema, mas como eu uso muito a pesquisa, achei melhor deixar de lado esse sistema, infelizmente.

  10. Gerson diz:

    Para quem quer testar o ambiente, sem abri mão do ubuntu. Pode ver nesse link http://goo.gl/wCnama

  11. Maylton Fernandes diz:

    to super fan do elementary OS, ele é meu favorito agora, mas só vou abandonar o Ruindows de vez quando encontrar um conversor de video que não perca a qualidade do video, que até agora os que encontrei não prestam. E também quando tiver suporte nativo pra MTP, é super chato ta colocando código no terminal pra usar o celular =/

  12. adrianojbr diz:

    achei interessante o elementary OS, mas não penso em testá-lo pois estou plenamente satisfeito com o Kubuntu 12.04. voltando ao assunto do artigo, sugiro a leitura dessa outra análise: http://www.vivaolinux.com.br/artigo/elementary-OS

  13. Ei Rodolpho, você poderia citar a comunidade brasileira de elementary OS também! http://elementaryosbr.org/
    Inclusive legendamos o vídeo oficial que você colocou no final: http://youtu.be/7HA7fWDreoY

  14. Otaku diz:

    gostei mas não largo meu debian ¬¬

  15. Luiz diz:

    Olá Cláudio, boa noite.

    Atualmente uso Ubuntu 12.04 + Gnome, numa maquina bem simples Intel Celeron 430 1 Gb Ram.
    Como não sou muito exigente, apenas rotina de trabalho nada de jogos e edição de vídeos, você
    aprovaria o Elementary SO Luna no lugar do Ubuntu com Gnome, pergunto isso pois podeia testa o mesmo
    numa vm, mas minha configuração uma vm com ubuntu se arrasta.

    • Luiz, você tem um disco capaz de gravar um backup? Se sim a minha recomendação é: faça um clone completo ao seu disco, experimente o ElementaryOS e se não gostar volta atrás. Assim caso você não goste tem sempre uma maneira de reverter exatamente para o estado em que o seu computador estava aquando da clonagem.

      Há um artigo, auxiliado com um vídeo que mostra exatamente como fazer um clone completo e seguro de todo o seu disco: http://ubuntued.info/clonezilla-faca-backup-compl

      Em todo o caso, sobre a minha opinião quanto ao ElementaryOS, eu acho-o surpreendente, mas não o acho perfeito para 100% dos casos. Se tiver mais alguma dúvida sobre como clonar ou outros aspetos mais detalhados, prefiro que faça a pergunta no forum do Ubuntued pois é mais fácil de incluir imagens, links, ou comandos do terminal. ;)

      Até já! ;)

  16. jonathas diz:

    quem atualizar o beta ja vai ter a versão final? ou tem que fazer a formatação limpa

  17. Zóio diz:

    Testei o danado instalado. É bom mas… prefiro o Lubuntu.

    • Olá Zoio,

      Acredito que quem precise de ter um sistema realmente leve, sim, tenha o Lubuntu como a primeira escolha. Em todo o caso, acho que para quem pode ter um sistema mais pesado um pouco, o elementaryOS é bastante bom para esse fim: algo bonito e super leve.

  18. Daniel diz:

    Claudio,

    Bem que poderia apresentar um vídeo de você utilizando o sistema e mostrando-nos…
    Creio que daria uma noção melhor de como funciona o ambiente gráfico.

    Tentei utilizá-lo através de um pen-drive, mas o sistema travou. Vou tentar de novo.

  19. Raoni diz:

    Utilizo um computador com uma configuração bem modesta, gostaria de saber se esse sistema é recomendando nesses casos.

    Configuração: Intel Atom 10,1" 1.66 GHz 2GB 160GB

  20. Rafael diz:

    Realmente! Eu instalei (a instalação é super rápida), e estou adorando…..
    Sistema bem ajustado e muito rápido! Os aplicativos abrem muito rápido…. libreoffice, firefox, até mesmo o eclipse abre rápido!

    Se não está satisfeito com o ubuntu, ou quer experimentar outro SO, eu recomendo muito o elementaryOS.

    • Também sou dessa opinião. Já agora, LibreOffice? Ou as aplicações de escritório que não são o LibreOffice e que vêm pré-instaladas no ElementaryOS? :D

      • Rafael diz:

        Confesso que instalei o libreoffice por capricho, eu utilizo bastante o google docs! Mas, na minha máquina, o libreoffice abre super rápido! Até me surpreendi!

        Não gostei do midori, nem do geary…. mas como a instalação é da mesma forma que o ubuntu, então fui deixando do meu agrado! Estou gostando muito!

  21. Edson Santos diz:

    Algumas coisas que gostaria de saber, instalado no HD as aplicações ficam 100% traduzidas?

    Porque o midori não consegue reproduzir nem o vídeo disponível na página inicial da distribuição?
    Isto é um ponto contra para os próprios desenvolvedores,usei ele 30 minutos pelo live CD, infelizmente não vou instalar no HD pois eu não conseguiria ficar com ele, pelo menos via live CD alguns comportamentos não me agradaram, mas provavelmente agradarão ao público para o qual é indicado.
    Quanto ao desempenho creio que diferenças sutis só serão percebidas em Hardware antigo, pois testei o mesmo em um Core i5 como 16GB e não ví nada demais :-(

    • Comparando com o Unity acho que a diferença é absurda, pelo menos a gravar um simples vídeo sente-se perfeitamente a diferença. E isto é apenas um exemplo! ;) Ah e também tenho um i5! ;)

      Sobre a questão do Midori, é, também acho que ele não vale muito para o usuário final, pelo menos para já. Esta é a minha opinião claro. Para resolver esta “problema” recomendo vivamente o Chromium. No meu computador Pentium4, que nem me arrisco a instalar o Unity, tenho o ElementaryOS e o Chromium funciona claramente mais rápido que o Midori! ;)

      Fica a recomendação para você experimentar! ;) Já agora, instalar num liveCD e comparar velocidades não é justo. No mínimo instale num penDrive e faça a comparação! ;)

      • Edson Santos diz:

        Cláudio quanto a questão da gravação de vídeo não sei porque utilizo a opção padrão do meu ambiente gráfico CTRL+ALT+SHIFT+R
        e ele tem um pouco de lag mesmo, ainda não explorei as opções do vp8 mas creio que dê para melhorar o desempenho. http://www.webmproject.org/docs/encoder-parameter

        Quanto a testar via liveCD acho que isto não vem ao caso, pois a imagem ISO e distribuida para caber em um CD e no momento era a única opção disponível, não gosto de ficar formatando meu pendrive todo dia para testar uma distro que certamente não vou instalar no HD então tendo um CD disponível posso efetuar quantos testes quiser, e deixo o pendrive para coisas mais importantes.
        Não quis comparar com o sistema instalado no HD, pois sei que o CD é muito mais lento, mas comparando com outras distribuições testada via liveCD achei o desempenho normal, sem contar que
        por algum motivo o CD não deu boot em meu Dual Core E5700, achei que seria um problema com o meu hardware, mas descartei esta possibilidade pois vi outra pessoa com o mesmo problema. http://elementaryos.org/answers/im-stuck-on-black
        Não cheguei a testar novamente utilizando todas opções de boot.

      • Edson Santos diz:

        Para uma experiência mais decepcionante, eu segui sua recomendação e tesei num pendrive, foi pior que via liveCD pois as aplicações simplesmente fechavam do nada, no primeiro teste a interface travou acusando falta de espaço???? utilizo o mesmo pendrive para testar diversas distros este erro só me ocorreu no elementary, realmente só pode ser falta de sorte, pasmem a versão beta 1 que testei não demonstrou nenhum destes problemas :-(

        • É possível que seja o penDrive que esteja corrompido ou até o próprio ISO!

          • Edson Santos diz:

            Descarto o problema ser com o pendrive, a imagem ISO pode ser, mas não encontrei o MD5 para testar pelo menos não há referências na página de Download.
            Seria a primeira imagem ISO corrompida que baixo em muitos anos de Linux e olha que tenho muitas delas :-)

          • É comum os penDrives darem problemas ao fim de algum tempo de utilização. Mas não sei. :|

          • Edson Santos diz:

            Já Conferi o MD5
            64 bits: a9db612a2406da80dfe4750747c0aca3
            32 bits: b48b6841b920fd0d4bee67aa68de4da5
            quanto ao pendrive hmm, sei não pois houveram problemas no LiveCD também.
            Mas não descarto a possibilidade, depois vou testá-lo com outra distribuição.

    • O Midori não tem suporte a flash, por isso não reproduz o vídeo. Sobre as traduções, a resposta é sim, todos o sistema esta traduzido.

      • Edson Santos diz:

        Samuel, eu fiz o teste utilizando a opção HTML5 do vídeo, caso queira testar e dar seu veredicto
        pois por o teste ter sido feito em um sistema 64 bits, pode ter acontecido algo inesperado.
        Basta entrar no teste HTML 5 do youtube, depois basta desativar novamente caso queira. http://www.youtube.com/html5
        Outra questão é que para vídeos deste tipo com suporte a HTML5 o gnash dá conta do recado.

Deixe um comentario